Buscar

Em terra de gaúcho, quem manda é o gaúcho, tchê!



As duas corridas inaugurais da Copa Marcas foram realizadas no estado do Rio Grande Do Sul. Estado conhecido pelo orgulho próprio e por um povo que não foge à luta. Na primeira, no Velopark, o argentino Juan Manuel Gomez (TR Bluvos Motorsports) se sentiu à vontade, talvez pela fronteira do estado com o país “hermano” e não tomou conhecimento dos adversários conquistando a vitória. Já na segunda, em Santa Cruz Do Sul, Bruno Fernandes (Factory Assault Team) fez questão de mostrar que quem manda em sua casa, é ele. Um domínio que começou ainda na sessão classificatória quando cravou a pole com o tempo de 1.23.852, contra 1.23.862 do seu companheiro de equipe Raphael Camelo. Companheiro que até tentou “estragar” a festa no final da prova quando se aproximou nas últimas voltas da corrida. Mas já não havia mais tempo e B. Fernandes, “o gordinho”, venceu de ponta a ponta e mostrou que em terra de gaúcho, quem manda é o gaúcho, tchê! Novamente a categoria se mostra completamente mudada em relação à temporada anterior. O formato, os pilotos, ou o conjunto de tudo isso tem proporcionado ao amantes da velocidade disputas de altíssimo nível e trabalho ameno para a Direção de Provas. Foram 29 carros que largaram em Santa Cruz, e apenas uma penalização registrada por conta de acidente. Acidente este que complicou as corridas de Adriano Tedesco e de Glauber Belo (Hattrick Racing) ainda na primeira volta por conta de um erro de cálculo do piloto do carro 46 da RDR PROGT. De resto, tivemos as primeiras voltas impecáveis com destaque para as ascensões de Rafael Barbosa (Pehzinho Racing), Emerson Czerkawsky (Paraguay Racing AV), Alisson Zanoni (BenKleR Racers), Micheal Teichmann (TR Bluvos Motorsports) e Rodrigo Yoshihara (Hattrick Racing) que somados, conquistaram 22 posições nas primeiras 5 voltas da corrida. Lá na frente a disputa quente entre R. Camelo, J.M Gomez e Marcelo Mazon (Ruy Racing) faria a primeira vítima. Mazon enfrentou problemas técnicos e infelizmente teve que abandonar a disputa quando seu volante parou de responder aos seus comandos. O piloto ainda tentou levar o carro aos boxes para conseguir algum tipo de reparo, porém, sem sucesso, e acabou saindo da corrida na volta 6. Entravam na disputa pelo pódio outros dois nomes que optariam por estratégias diferentes durante a prova. Bernardo Cardoso (Factory Assault Team) parou na volta 21 e optou pela troca de pneus. Já Macelo Canoff (JBM Racing) preferiu a estratégia de poupar o desgaste e parando na volta 24 fez apenas um splash and go. Estas e muitas outras estratégias se encontrariam no final da corrida e deixariam as coisas insanas e divertidas pra quem curte uma boa dose de emoção. Com três voltas finais de tirar o fôlego para quem se defendia e para quem tentava um lugar ao sol, era praticamente impossível a equipe de transmissão dar conta de mostrar tudo o que acontecia. Alguns pilotos que optaram por trocar os pneus, atacavam a os demais que não haviam trocado. O drama assolava, inclusive, o líder Bruno Fernandes que ao ver a bandeira quadriculada agitada deve ter sentido um mix de alívio e de glória ao conquistar a primeira vitória no Clube. Raphael Camelo veio logo na sequência apenas 0.431 atrás. Marcelo Canoff teve que suar muito para se segurar dos ataques de B. Cardoso, mas conseguiu na raça a conquista do 3º lugar ao pódio com pouco mais de um décimo de segundo à frente, enquanto que J.M. Gomez fechou o top 5 da noite. Fim apertado também na disputa pela 11ª posição entre Gean Celso (Sinister Race Team) e R. Barbosa que finalizou apenas dois décimos atrás do piloto sinistro. Vitória e liderança. B. Fernandes aparece na ponta com 51 pontos, contra 50 de J.M. Gomez. Na tabela apertada ainda temos R. Camelo com 46 em 3º e M. Canoff e B. Cardoso dividindo a 4ª posição com 42 pontos cada. A temporada segue para o Paraná, mais precisamente na cidade de Cascavel. Um traçado curto e técnico que tem uma das curvas mais famosas do automobilismo brasileiro. O “Bacião” receberá novamente um grid cheio e com a certeza de que coisa boa poderá vir. Como sempre, a Xtreme TV estará conosco e cobrirá na íntegra todos os detalhes da corrida que será disputada no dia 01/06 às 21h:45m pelo horário de Brasília. Será que pinta um paranaense para vencer em casa também? Seria interessante!

Racer Clube, o seu Clube do Automobilismo Virtual.



0 visualização
RC.png

RACERCLUBE @ 2020